Seguidores

Impostos sendo arrecadados no Brasil

o céu ganhou mais um anjo

segunda-feira, 19 de março de 2012

Fakes casso de psícologo cuidado do outro lado pode não ser o que você pensa.

Falsos perfis na internet: No divã com René Junior de “Fina Estampa”



Por Alexandre Bez – Escritor e Psicólogo
 
René Junior – Novela Fina Estampa
 
No mundo virtual podemos ser quem gostaríamos de ser ou se passar por qualquer pessoa que nos faça sentir confortáveis e realizados emocionalmente. Essa zona de conforto traz uma tranquilidade psíquica, mascarando nossa real personalidade e características individuais. A fantasia nos permite sonhar sem medos e pudores dentro da perspectiva virtual e adquire proporções estratosféricas que são barradas quando se chocam com a realidade.
 
Podemos definir a fantasia como um processo o qual a imaginação assume o controle do indivíduo de acordo com seus interesses pessoais, por intermédio do seu aparelho psicológico que ativa o estado imaginário dos desejos. A mesma atua através das construções imagéticas durante o período diurno e se manifesta na forma dos sonhos também, à noite. Mas, o ato fantasioso atinge uma dimensão ainda mais profunda quando feitas criações de “personagens imaginários” por meio da internet nas páginas de redes sociais.
 
A exemplo dessa prática, destacamos o personagem René Junior da novela “Fina Estampa” que ilustra perfeitamente toda descrição realizada a respeito do assunto. Assim como outras pessoas, o rapaz molda um perfil falso criado na internet a partir da manifestação de suas vontades e intenções, de modo não condizente com a realidade vivida. Nas palavras do Psicólogo Especializado em Relacionamento Alexandre Bez: “Na internet, todo cuidado é pouco. Ao utilizar a ferramenta funcional do mundo virtual, o sonhador assume personalidades que vão se deparar com a realidade, e o perigo é quando se percebe o confronto”. Esse choque ficou muito claro em “Fina Estampa”, onde o personagem aproveita ainda para abordar as mulheres na rua após o fracasso do encontro e tirar fotos montadas, assim podia mostrar aos colegas de escola seu falso êxito.
 
O perigo configura-se em fantasiar uma vida irreal, onde teoricamente você está escondido das suas reais características físicas, cronológicas e mentais. Portanto, todo cuidado deve ser levado em conta, principalmente quando a questão envolve mentes ainda em formação, no caso, adolescentes, sem contar todos os perigos existentes na rede em relação a menores de idade. Na novela tudo acabou bem, exceto o castigo imposto a personagem Carolina, jovem que sonhou em juntar a mãe com Juan através do recurso das redes sociais, e acabou sem internet. Mas, a melhor maneira de conscientizar sobre a atividade virtual é mostrar a necessidade de usar com responsabilidade o mecanismo da internet, precedido por uma esclarecedora e tranquila conversa, esclarece Bez. 
 
Alexandre Bez, Psicólogo especializado em Relacionamentos pela Universidade de Miami e Síndrome do Pânico pela UCLA, acaba de lançar seu primeiro romance psicológico INVEJA - O INIMIGO OCULTO" (Ed. Juruá).

2 comentários:

  1. Os jovens devem ser alertados cada dia mais e mais sobre esse perigo,a internet é um meio de comunicação que traz vários benefícios se usado de forma correta.
    Os jovens tem que por na cabeça que não dá pra saber com quem se fala, nem o caráter de tal pessoa...

    ResponderExcluir
  2. Olá isto é um perigo e os pais acham que os filhos estão se divertindo.ficando em casa.na realidade os filhos estão é ficando.
    com mais costumes.e se prejudicando.tudo que é demais faz mal.

    ResponderExcluir

Seu cometário foi muito importante e será guardado. Obrigado.

Diga Não

Diga Não

Arquivo do blog

Ocorreu um erro neste gadget

Vivemos nesse país.

Vivemos nesse  país.
Esperamos melhoras

Postagens populares

Minha lista de blogs

Total de visualizações de página

Hino dos politicos deste nosso país dos canalhas

Convenção dos honestos contra nossos politicos ladrões.